11
Ago 05
ciganos.jpgOito militares da GNR de Coruche foram, domingo de madrugada, agredidos e ameaçados com uma arma de fogo por homens de etnia cigana quando os guardas tentavam deter um deles que causava desacatos num bar por se recusar a pagar a conta.

Tudo se passou pelas 03h30. Chegados ao bar, os militares depararam-se com uma rixa “e foram logo recebidos com arremesso de copos”. A patrulha saiu para chamar reforços e foi perseguida e injuriada por um homem de 34 anos, de etnia cigana, visivelmente embriagado.

O indivíduo, irmão do que havia recusado pagar a conta, agrediu os militares e ameaçou-os com uma arma de fogo. Depois tentou, sem sucesso, roubar o carro-patrulha.

Assim que chegaram ao local os seis militares que compõem a Equipa de Intervenção Rápida o agressor foi detido. A detenção foi dificultada “por vários homens de etnia cigana que agrediram pelas costas alguns militares e que depois fugiram”, disse fonte policial ao CM.

O homem foi anteontem presente ao tribunal de Coruche, o que obrigou a GNR a montar uma operação de segurança devido à grande concentração de familiares do detido à porta do edifício. “Homens e mulheres de etnia cigana injuriaram os militares e magistrados, tendo chegado a arremessar pedras”, afirma a GNR.

O detido recolheu em prisão preventiva para a cadeia do Montijo. Conta já com antecedentes criminais, tendo mesmo cumprido pena de prisão efectiva. Actualmente tinha de se apresentar semanalmente à GNR de Benavente pelo crime de receptação. Quatro militares receberam tratamento no Centro de Saúde de Coruche após os confrontos.

Isto não são casos isolados.JÁ É DEMAIS.JÁ ULTRAPASSA TUDO O QUE É RACIONAL.QUE VAI SER PRECISO ACONTECER? MORTES? OS CIGANOS TÊEM DE UMA VEZ POR TODAS APRENDER QUAL O SEU LUGAR,APRENDER A SEGUIR AS LEIS QUE SEGUIMOS E RESPEITAMOS.OS CIGANOS NÃO ESTÃO ACIMA DE NINGUÉM,NEM MERECEM TRATAMENTOS PREVILEGIADOS.É DEMAIS E EU COMO CORUCHENSE QUE SOU,TENHO VERGONHA DE ANDAR TODOS OS DIAS A PENSAR NO PIOR.

Com cerca de 500 elementos a residirem num bairro local, muitos têm sido os casos de desacatos, destruição e violência, sobretudo em cafés e bares, entre a comunidade cigana e a população local. Pelo meio estão os 18 militares que compõem o posto da GNR, recentemente reforçados por quatro elementos de uma Equipa de Intervenção Rápida.

Lembram o que se passou á pouco tempo no Couço?

AJUDEM CORUCHE,AZERVADINHA,COUÇO E BISCAINHO.
QUERO VIVER NUM CONCELHO LIVRE.
publicado por sorraia.blog às 22:17

01
Ago 05

almadanegreiros.jpg

publicado por sorraia.blog às 17:47

Agosto 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
16
17
18
19
20

21
22
24
26
27

28
29
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
pesquisar
 
blogs SAPO