08
Set 05
Mário Soares,o nosso estima "cota" diz que são a miséria e a pobreza que geram humilhação, que geram o terrorismo.
Mas não é a pobreza que transforma os cubanos, os indianos e os chineses rurais, os africanos em geral, em terroristas.

O que alimenta o terrorismo é uma outra espécie de miséria. É uma miséria intelectual e uma pobreza espiritual, aquilo que também alimenta o Islão.
publicado por sorraia.blog às 23:20

Na sequência de manobras que se vão vendo um pouco por toda a Europa do Futebol, em que grandes clubes "vendem" o nome do seu estádio a multinacionais de telecomunicações e aviação, a troco de milhões de Euros, fala-se agora sobre a possibilidade de os "grandes" clubes portugueses enveredarem pelo mesmo caminho. Ora, tendo em conta que nenhuma multinacional que se preze pega num clube português, esta "moda" pode bem ser o "coup de gras" na já pouca dignidade do nosso futebol. Imaginem aí as empresas que vão patrocinar os clubes e fiquem arrepiados com os Estádios "Santos Coelho & Herds. - Cofragens Industriais", o grandioso "Agência Funerária Campeão Arena", ou mesmo o "O Lápis - Papelaria Dome".. Mais um funesto sinal dos tempos... "Voltamos à nossa reportagem, em directo do Estádio Luís dos Leitões"...
publicado por sorraia.blog às 23:17

crates.jpg
Momento simbólico do Socratismo. Sócrates carrega no detonador. Mas, de acordo com a Sic-Notícias, este não é o verdadeiro detonador. É um detonador falso que foi ali colocado para a fotografia. O verdadeiro detonador está noutro sítio. Ainda de acordo com as imagens transmitidas pela Sic-Notícias, captadas por duas câmaras diferentes, o primeiro prédio começou a implodir antes de Sócrates ter carregado no botão.
Note-se o esforço de concentração que Sócrates faz para carregar num detonador que, pelos vistos, não faz nada.

troia.jpg
Ao fim de oito (!!!) anos, o projecto vai finalmente avançar. Noutro país, já estaria por certo a facturar, já teria criado riqueza e empregos, já seria um must para turistas de elevado rendimento, já teria dado um contributo positivo para a Balança de Transacções Correntes.
O realce mediático não vai porém para o potencial do investimento, mas para a sua enorme "externalidade" negativa: a futura "indisponibilidade" da península de Tróia para o turismo de massas, uma perda que não será pelos vistos compensada pelos benefícios esperados do projecto...
publicado por sorraia.blog às 23:04

Setembro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

16
17

19
20
21
23
24

27
28
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
pesquisar
 
blogs SAPO