17
Fev 06

Quero partilhar convosco uma situação bastante importante, para que estejamos alerta sobre o que vos passo a descrever: Ontem por volta das 2 da manhã familiares meus circulavam de carro no IC21 (a via rápida do Barreiro) no sentido de sul para norte, campo dos Galitos para o Hospital, quando de repente se aperceberam que estava no meio da estrada o corpo de uma pessoa, o qual se encontrava com calças de ganga e blusão azul escuro e tambem com um gorro na cabeça, o meu cunhado só se apercebeu quando chegou com o carro muito próximo e teve de fazer uma manobra brusca para não passar por cima ( vinha +/- a 120km) mas não parou, pois não havia mais nenhum carro a circular.


Uns metros mais à frente encontrava-se um Ford Fiesta do ano 2003, que o meu cunhado não conseguiu tirar totalmente a matrícula. O meu cunhado que pertence às autoridades deste País e sabe que o que aconteceu ali era a preparação para um assalto, tanto que depois deu a volta pelos Fidalguinhos e demorou no máximo 10 minutos, após ter contactado os colegas da PSP do Barreiro a relatar o que aconteceu, e verificou que no local já não se encontrava nem o corpo QUE ERA UM BONECO INSUFLÁVEL, NEM O CARRO.


Este é um tipo de assalto que começa a ser comum no nosso País, portanto muita atenção!

publicado por sorraia.blog às 12:54

09
Fev 06
É realmente vergonhoso, tanto alarido!! Pior ainda foi o nosso minstro dos negócios estrangeiros, vir a público dizer as bacoradas que disse. Os muçulmanos não têm é nada para fazer, se andassem a cavar e a trabalhar, a fazer pela vida, não andavam a inventar estas guerrinhas. Sim senhor, concordo que devemos respeitar as outras religiões!! Mas, dai a ninguém poder brincar um pouquinho!!!

( Posted by BRUXINHA DO BEM )
publicado por sorraia.blog às 09:13

08
Fev 06

Encontraram-se no inferno: Sócrates, Bush e a Rainha da Inglaterra.


Bush pediu ao diabo uma autorização para fazer uma chamada para os EUA, porque queria saber como ficou o país depois da sua partida. O diabo permitiu a chamada e Bush falou durante 2 minutos. Ao terminar, o diabo disse que a chamada custou 3.000 euros. Bush preencheu um cheque e pagou...


Quando a rainha soube, quis fazer o mesmo, e ligou para Inglaterra, mas conversou durante 5 minutos. O diabo passou a conta, que ascendeu a 5.000 euros.


Obviamente que Sócrates ficou intrigado e também quis ligar para Portugal para ver como havia ficado o país, mas conversou por mais de 3horas. Quando desligou, o diabo disse que eram apenas 500 euros. Sócrates ficou atónito, porque reparou nas cobranças anteriores que tinham durado muito menos tempo. Então, perguntou ao diabo porque custava tão pouco ligar para Portugal...


O diabo respondeu: - De inferno para inferno é chamada local.

publicado por sorraia.blog às 15:25

07
Fev 06
Correndo eu o risco de levar com uma bomba em cima ou a casa incendiada ou o risco ainda maior do Estado Português ter que pedir desculpa aos "senhores" muçulmanos,pelo meu atrevimento,tomem lá
11.jpg
E depois vão ver o resto dos cartoons Aqui e comentem,já agora.
publicado por sorraia.blog às 14:28

capt.tp10111221708.1.jpg
A professora de 25 anos Debra Lafave (a loira de crucifixo, na foto) foi condenada nos EUA por ter mantido relações sexuais com um aluno de 14 anos.
O raio do puto por esta hora deve ser o aluno mais bem educado do país, apto a dar palestras taco-a-taco com um Júlio Machado Vaz ou uma Dra. Ruth ou a ir ao progama abcdosexo na tv2,chama-se assim? . Cumpriu-se mais uma vez o sonho americano, a América continua a ser a terra das oportunidades, o pais do mundo onde existe a maior probabilidade de se nascer miserável e morrer miserável também, mas rico, e pelo caminho alcançar um dos mais ancestrais sonhos da humanidade: "comer a setora"!
publicado por sorraia.blog às 14:24

O roubo de pinhas e a venda de miolo de pinhão no mercado paralelo estão a aumentar, com particular incidência no concelho de Coruche.
Os industriais do miolo do pinhão querem que a inspecção das actividades económicas intensifique a sua fiscalização sobre o mercado paralelo da venda do miolo do pinhão.
O negócio do roubo de pinhas está a aumentar a olhos vistos, com especial incidência no concelho de Coruche embora atravesse todo o filão de pinhal desde Ponte de Sôr até Grândola.
O presidente da Associação de Industriais do Miolo de Pinhão diz que os roubos começam nos primeiros dias de Novembro. A legislação diz que a venda de pinhas só pode começar a partir de 15 de Dezembro
“São desempregados, reformados e outras pessoas envolvidos nos roubos de pinhas que fazem um trabalho que garante rendimentos. Não pagam contribuições para segurança social, fisco e IVA. Uma pinha custa cerca de 50 cêntimos. Quem levar mil pinhas de uma vez já ganha o dia”, exemplifica o empresário
Segundo refere, basta ir a mercados e feiras às 17h00 e ver miolo de pinhão à venda, em carrinhas e bancas, a preços mais baixos que os do mercado legal.
Em cada 100 quilos de pinhas, extraem-se cerca 3,2 quilos de pinhão. Hélio Cecílio estima que, só em 2005, tenham sido roubados cerca de três milhões de quilos de pinhas.
O empresário do pinhão possui uma eira com cerca de um hectare de área onde costuma colocar milhares de pinhas colhidas em Novembro. Depois de abrirem com o calor, seguem para a unidade industrial na Azervadinha (Coruche) para os pinhões serem abertos e alourarem. “O ano passado roubaram-me 50 mil euros em pinhas”, recorda. A indústria exporta, maioritariamente, para Itália, Alemanha e Estados Unidos.
O industrial sublinha que o pinhão português é considerado o melhor, mas que está a perder reputação por ser misturado com o do mercado paralelo, que não segue os mesmos padrões.
“Devia haver mais fiscalização ao negócio paralelo, mas sai tudo ao contrário. Na altura da ministra Ferreira Leite a indústria avisou o governo para esta forma de negócio e foram as empresas legais do sector que acabaram a ser fiscalizadas”, lamenta-se. Para justificar mais atenção e apoio dos governantes.
publicado por sorraia.blog às 13:38

2663.jpgSexta-feira, 19h30, estrada de acesso ao parque de estacionamento junto ao Jardim Municipal de Vila Franca de Xira. Um homem de meia idade e engravatado chega num carro de gama alta e começa a fazer sinais de luzes. Duma estrada de areia que liga a um estaleiro junto da Ponte Marechal Carmona aparece um rapaz que não aparenta mais de 20 anos. Depois de uma festa na cabeça, o rapaz entra no carro, mas a viagem é curta. Uns metros mais à frente do ponto de encontro, o carro pára e as luzes apagam-se. É o início de mais um encontro homossexual.
Fábio, 23 anos, estudante do ensino superior residente na Póvoa de Santa Iria, aceita partilhar um pouco da história da sua vida com a reportagem de O MIRANTE. Com muito receio confessa que conheceu João, um empresário da região, através de um canal de conversação na Internet. “Ele estava a passar mal e pediu a minha ajuda. Começamos a encontrar-nos e somos bons amigos”, explica
O jovem recusa assumir-se como um prostituto, mas confessa que o amante ajuda financeiramente e dá-lhe bons presentes. “No Natal deu-me um telemóvel e comprou-me um blusão de 150 euros”, acrescenta. O amante de Fábio é casado, tem dois filhos e recusa assumir que é bissexual. “Eu sei que ele já andou com mulheres muita boas”, refere.
O jovem explica que é o facto de João não querer assumir as suas opções que força os encontros neste local clandestino. “Se fosse com uma rapariga, ele iria para um hotel”, explica o jovem amante. A zona da Lezíria das Cortes, onde está prevista a construção da Nova Vila Franca com quase dois mil fogos, um parque urbano e vários equipamentos públicos está referenciada como local de engate para homossexuais em vários sítios e publicações dirigidas à comunidade Gay.
Alguns sítios vão ao pormenor de localizar a zona de engate em mapas e mostrar a melhor forma de lá chegar. Quase todos referem que é engate não comercial e alguns até apelam aos visitantes para deixar sugestões para novos locais. Há descrições e dicas para que o engate tenha mais sucesso.
Quem passa diariamente na estrada de acesso ao Jardim Municipal de Vila Franca já se apercebeu da zona de engate. Um grupo de pessoas que costuma fazer caminhadas durante a noite descreve várias situações, algumas mais estranhas. “Uma vez íamos a andar e vimos um homem todo nu, estranhámos e como íamos quatro pessoas, o meu marido perguntou-lhe se precisava de ajuda. O homem contou que o tinham roubado e deixado naquele estado, mas quando dissemos que íamos chamar a polícia, disse que não era preciso”, conta. Era Verão, e o homem acabou por regressar a casa com calções, t-shirt e chinelos.
A PSP não tem registo de ocorrências no local, mas já recebeu várias referências de que local é procurado por homossexuais. As autoridades reforçaram o policiamento, mas referem que não podem ter uma patrulha permanentemente no local. A prática de actos sexuais em lugares públicos é proibida por lei e constitui o crime de atentado ao pudor. Porque se trata de um crime semi-público, é necessário que alguém faça queixa para as autoridades actuarem.
João Ferreira, 59 anos, costuma caminhar no local e já se apercebeu de várias situações. Contudo, diz que não se sente incomodado. “Eles estão entretidos e eu passo ao largo. Não tenho nada a ver com isso”, refere. O caminhante frisa que também é frequente ver “engates” de casais heterossexuais e aponta para papéis, embalagens de preservativos e outros sinais que apenas provam a existência de actos sexuais na Lezíria das Cortes.

( por Nelson Silva Lopes in O Mirante On-line )
publicado por sorraia.blog às 13:36

Brinquedos, roupa, sapatos e artigos de utilidade. Foram milhares de peças oferecidas por 36 empresas e comerciantes filiados na Associação de Empresas Luso-Chinesas que foram repartidas por escolas, instituições de solidariedade e famílias carenciadas do concelho de Benavente.
Os bens avaliados em 36 mil euros foram distribuídos, durante a quadra natalícia, pelas escolas, instituições de solidariedade, bombeiros e famílias referenciadas na Comissão de Protecção de Crianças e Jovens em Risco de Benavente. A autarquia dispõe ainda de um conjunto de artigos que serão distribuídos oportunamente.
O objectivo da associação de Empresas Luso Chinesas em Portugal é colaborar com as instituições locais retribuindo desta forma a generosidade dos clientes das suas lojas instaladas na região. Recorde-se que o concelho de Benavente acolhe mais de uma centena de empresários chineses e o Porto Alto é um dos maiores entrepostos do comércio chinês em Portugal.
A parceria entre a Câmara de Benavente e a associação poderá ser alargada e não está excluída a hipótese de promover geminação com municípios chineses onde poderão ser vendidos produtos ribatejanos como o vinho e o artesanato.
publicado por sorraia.blog às 13:28

Não existe qualquer plano de encerramento do Serviço de Atendimento Permanente (SAP) do Centro de Saúde de Coruche. Segundo Fernando Afoito, coordenador da Sub-região de Saúde de Santarém. E significa que a unidade vai continuar a funcionar 24 horas por dia.
Fernando Afoito admite que o SAP, a funcionar entre a meia-noite e as oito da manhã, é dos que tem menos utentes, com algumas noites onde apenas se regista uma ocorrência.
Mas reconhece que a análise ao seu funcionamento não se limita ao número de utentes, mas também em face de questões geográficas, demográficas e da própria resposta do Instituto Nacional de Emergência Médica.
“Não só Coruche, como também Benavente e alguns concelhos do norte do distrito de Santarém têm condicionantes no que respeita ao distanciamento às unidades hospitalares e ao estado das acessibilidades”, explica.
O esclarecimento do coordenador da Sub-Região de Saúde de Santarém põe cobro às dúvidas levantadas pelo executivo municipal de Coruche que, na reunião de 19 de Janeiro, após intervenção do vereador Rodrigo Catarino (CDU), abordou o problema.
O presidente da Câmara de Coruche, Dionísio Mendes (PS), afirmou categoricamente que não aceitará qualquer solução que passe pelo encerramento do SAP do centro de saúde, entre a meia-noite e as 08h00.
No entender do autarca o concelho de Coruche vive uma situação diferente dos restantes concelhos do distrito, principalmente pela distância a que algumas localidades ficam do Hospital Distrital de Santarém.
“Há localidades como o Couço, Arriça ou Biscainho, que ficam a mais de 60 quilómetros do Hospital de Santarém e a uma hora de caminho”. Considerou ainda que o afunilamento de utentes nas urgências do Hospital de Santarém não irá contribuir para que seja prestado um melhor serviço.
Dionísio Mendes reconhece, no entanto, que a média de utentes do SAP é de cinco pessoas por noite, abaixo dos dez utentes - um dos critérios preconizados pelo Ministério da Saúde para a avaliação da rentabilidade dos serviços de urgências.
O director do Centro de Saúde de Coruche afirma não ter conhecimento de qualquer medida em relação ao SAP e também aludiu à questão da distância a que fica a unidade hospitalar da capital de distrito.
“Penso que a colocar-se essa questão só será possível se houver uma alternativa. Defendo a criação de um centro melhor apetrechado e mais eficaz que sirva os concelhos de Coruche, Benavente e Salvaterra de Magos na zona dos Foros de Salvaterra, por exemplo, junto ao nó de acesso à A13”, sugeriu José Miguel Coutinho.
Acrescentou que uma solução do género poderá servir melhor que as duas urgências de 24 horas que existem.
publicado por sorraia.blog às 13:26

O presidente da Câmara de Coruche, Dionísio Mendes (PS), acredita que a construção da nova sede da Sociedade de Instrução Coruchense (SIC) vai começar em 2006, mas não deve ficar concluída até final do ano.
O autarca revelou, a propósito de uma interpelação de uma cidadã presente na reunião do executivo de 1 de Fevereiro, que o projecto para o novo edifício sede da SIC deu entrada na câmara para licenciamento e apreciação.
“Dada a dimensão da obra não é crível que fique concluída durante 2006. A SIC está a reunir apoios e outras formas de financiamento para dar resposta a este projecto, mesmo através do Plano de Investimentos e Despesas de Desenvolvimento da Administração Central (PIDDAC)”, referiu o autarca.
Dionísio Mendes recorda que a autarquia já cedeu o terreno para a implantação da sede da SIC, junto à sede do Clube Ornitológico de Coruche, em Santo Antonino. A obra terá comparticipação camarária mas também deve contar com apoios de outras entidades como o governo civil, por ser uma colectividade com peso histórico e méritos adquiridos ao longo da sua actividade.
Durante a reunião de câmara, Dionísio Mendes explicou ainda, a propósito da falta de um equipamento cultural de dimensão na vila, que a autarquia prevê construir um espaço multiusos na área hoje ocupada pela estação de camionagem (que vai ser substituída por equipamento idêntico junto ao Bairro Novo).
“Será um espaço com 300 a 400 lugares, apto a receber espectáculos, concertos, cinema e exposições”, explicou Dionísio Mendes.
publicado por sorraia.blog às 13:25

Fevereiro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
pesquisar
 
blogs SAPO